Soluções que agregam valor ao tratamento de efluentes na indústria pesqueira

O processamento industrial de peixes gera um grande volume de efluentes que contém quantidades significativas de contaminação biológica. A GEA oferece à indústria pesqueira equipamentos e tecnologias de processos favoráveis ao meio ambiente para o processamento confiável e eficiente de efluentes, como alternativas a métodos caros de eliminação. Nossas tecnologias não só reduzem os custos de eliminação, como também permitem a recuperação de componentes valiosos.

Alto volume de efluentes em uma ampla variedade de estágios de produção

Fish on Ice

Grandes quantidades de água são inevitavelmente utilizadas na indústria de processamento de peixes, por exemplo, para lavar o produto, produzir peixes em conserva ou fabricar farinha de peixe. Até mesmo o processo de descarga de navios emprega frequentemente bombas que utilizam água para transportar o peixe do porão até a terra firme. Além de água do mar, a bomba de água contém quantidades consideráveis de resíduos de peixe e também pode conter uma série de óleos e resíduos de gordura.

Decantadores para o processamento de efluentes

Os decantadores da GEA representam uma tecnologia robusta e confiável para o tratamento de efluentes na indústria pesqueira. Depois que o efluente foi tratado em tanques de flutuação apropriados, nossos Decanteres separam todos os sólidos restantes e garantem concentrações de sólidos constantes na descarga. Esse estado sólido pode ser usado para a produção de farinha de peixe, e a água tratada pode ser recirculada de volta para o processo de produção ou descarregada no mar. Esse processo de reciclagem e reutilização reduz drasticamente os custos de carga e eliminação de efluentes, enquanto a maior produção de óleo e farinha de peixe permite que todo o processo se torne muito mais rentável.

Agregando valores e reduzindo custos operacionais.

Após o estágio de separação mecânica, a gordura e os sólidos suspensos são removidos do estado aquoso em uma estação de microfiltração por cerâmica. A GEA oferece linhas de processamento para clarear, fracionar, remover cinzas e concentrar soluções proteicas hidrolisadas para gerar pó de proteína de alta qualidade. As máquinas e instalações GEA foram projetadas para operar com eficiência energética otimizada. Para a produção de farinha de peixe, usamos instalações de concentração e secadores que garantem a concentração confiável e a secagem da água oleosa gerada no estágio do Decanter, mas que também permitem que o gás de escape de vapor do secador seja usado para aquecimento do evaporador de efluentes. Isso pode ter um significativo impacto positivo sobre a energia das etapas do processo geral.

Foco na eficiência energética: as tecnologias de concentração e secagem reduzem os custos operacionais

Considerando o porcentual de custos operacionais no processamento de peixes e subprodutos, é determinante a visão de consumo energético, e com esse objetivo é que se aplicam o conceito de eficiência energética e operacional que nossas máquinas foram projetadas. Portanto, para a produção de farinha de peixe, usamos instalações de concentração e secadores que não só garantem a concentração e a secagem confiáveis da água oleosa gerada no estágio do decantador. Como o gás de escape de vapor do secador pode ser usado para aquecer o evaporador de efluentes, eles também são uma importante contribuição para a melhoria da economia energética de nossos clientes.

  • Usando equipamentos GEA para o processamento eficaz de efluentes em vez de uma eliminação de alto custo
  • Tecnologia de decantador de primeira qualidade para a constante descarga de sólidos e água tratada com segurança
  • Menor carga de efluentes – menores custos de eliminação
  • Recuperação de substâncias valiosas para maiores lucros
  • Tecnologia de evaporação e secagem para a concentração e a secagem confiáveis da água oleosa.
  • Operação com eficiência energética graças ao aquecimento usando gás de escape do secador