“Se você vai fazer algo, faça do jeito certo”, foi o que Koen Veldkamp, Diretor Administrativo da Agrar GmbH Cottbus West, prometeu a si mesmo quando desenvolveu sua visão de um galpão para 800 vacas leiteiras localizado em Krieschow, Alemanha. É por isso que, quando ele começou a planejar, entrou em contato com o departamento de vendas da GEA e seu centro de revenda local da GEA.

O objetivo comum era encontrar uma solução que melhorasse o bem-estar animal, aumentasse a eficiência e entregasse leite de alta qualidade em uma operação sem uso de muitos recursos, a fim de alcançar a sustentabilidade a longo prazo. Um dos aspectos mais empolgantes e exemplares do projeto foi o uso de métodos de construção inovadores e rápidos para comissionar a tecnologia de robô de ordenha inteligente da GEA em tempo recorde no que é atualmente a maior instalação de ordenha automatizada da GEA na Europa.

O bem-estar animal está em primeiro lugar

DairyRobot R9500

Desde o início, a Veldkamp perseguiu um conceito que permitisse às vacas o máximo conforto nos meses quentes de verão e frios de inverno: Os edifícios são generosamente dispostos, com corredores largos e áreas de descanso próprias para animais. A luz do dia e o ar fresco são continuamente supridos através de cortinas e portões seccionais com grandes aberturas para iluminação. Isso cria as melhores condições para as vacas leiteiras e um clima agradável no galpão durante todo o ano. Além disso, as temperaturas ideais na área de trabalho e a proteção das partes transportadoras do leite são garantidas pelo piso radiante alimentado pelo sistema de recuperação de calor da própria planta de biogás da fazenda leiteira.

Minimização do uso de água e energia e administração ambientalmente correta

Hoje em dia, quem planeja uma grande instalação para até 800 vacas não precisa somente de calcular os custos operacionais, mas também levar em consideração os aspectos ambientais. É por isso que Koen Veldkamp escolheu o GEA DairyRobot R9500. Os três box de ordenha são conectados a cada uma das seis unidades de fornecimento instaladas, com 16 boxes em operação no momento; podem ser acrescentados mais boxes, se for necessário. Isso significa menos equipamento, menor consumo de água e energia, menos processos de manutenção e, finalmente, menor investimento do que outros sistemas de box de ordenha. Além disso, também emprega menos pessoal e tempo, uma vez que um sistema deste tamanho pode ser operado por somente duas pessoas.

Promovendo a saúde da vaca, garantindo a qualidade do leite

DairyRobot R9500

O bem-estar das vacas tem uma influência crucial em sua saúde e, em última análise, determina a qualidade do leite. O melhor de tudo é que o DairyRobot R9500 da GEA pode operar durante os processos relaxados no galpão sem qualquer pré e pós-seleção: “Com a ajuda do gerenciamento do rebanho, as vacas podem vagar livremente e desfrutar de processos consistentes e autodeterminados, especialmente no período imediatamente após o parto. O sistema redireciona automaticamente o leite do bezerro para que nem os empregados e nem os animais tenham que adaptar suas rotinas”, explica Koen Veldkamp. Ao mesmo tempo, ele chama a atenção para a diminuição significativa da contagem de células e germes após a mudança da ordenha convencional no carrossel para o robô de ordenha, em parte superior a 50%.

Também a produção de leite mostra uma tendência positiva. Com uma boa razão, porque o princípio In-Liner Everything oferece uma perfeita higiene de ordenha, permitindo que toda a rotina de ordenha desde o encaixe, limpeza, pré-dipping e estimulação até a remoção e dipping ocorra no ambiente protegido da teteira. Com o DairyRobot R9500 da GEA, a fazenda leiteira não apenas oferece suporte à saúde do úbere, como também cria as melhores condições para elevar o desempenho e a qualidade do leite a um nível superior.

Pronto para uso: uma mostra internacional

DairyRobot R9500

A GEA apóia produtores de leite em todo o mundo. Um de seus pontos fortes é a capacidade de implementar as ideias individuais dos produtores de leite com conceitos inovadores. A ideia de economizar tempo e custos com a pré-fabricação dos componentes e a precisão logística conquistaram rapidamente o cliente e toda a equipe. Finalmente, o sistema de ordenha automatizado pronto para usar foi comissionado pelo centro de revenda local da GEA, Duräumat-Agrotec Agrartechnik GmbH. Uma característica especial é o uso de elementos de piso pré-fabricados. Os elementos de concreto são fornecidos com conectores e juntas de encaixe preciso e podem ser instalados em muito pouco tempo. E como os dezesseis GEA DairyRobot R9500s, cada um com suas seis unidades centrais de fornecimento, também foram entregues de Bönen na hora certa, o projeto de construção foi executado em apenas seis meses de puro tempo de construção. No final, não apenas a maior instalação de ordenha automatizada da GEA na Europa foi colocada em operação, como também um excelente exemplo de um sistema de ordenha específico para o cliente.

Desfecho positivo para a alta qualidade do leite

Para a fazenda leiteira, a boa colaboração entre a GEA Alemanha e o centro de revenda regional da GEA no local oferece um retorno diário. A solução inovadora que consiste em uma tecnologia pioneira de ordenha robotizada, uma instalação sem perdas de tempo e um serviço excelente do centro de revenda da GEA, Duräumat-Agrotec Agrartechnik GmbH, torna possível operar de forma sustentável a longo prazo com vacas saudáveis e enérgicas. O resultado é uma eficiência significativamente maior com metade do trabalho, bem como um menor uso de água e energia e o máximo desempenho para um leite com nível de alta qualidade. Koen Veldkamp, que investe o tempo ganho no gerenciamento de sua operação, resume da seguinte forma: "Estamos absolutamente satisfeitos!”

Voltar