Hoje em dia, é muito raro encontrar os franceses Carine e Flavien Arbez trabalhando lado a lado em suas atividades leiteiras com 85 vacas - e isso é bom. Eles já traçaram seu objetivo de realizar o trabalho mais rapidamente e sem ajuda externa, graças a um investimento em uma nova GEA DairyParlor P7550 2x8. A decisão demonstrou ser um ajuste perfeito para eles e seu rebanho especial.

Com seus campos cultivados, densas florestas de pinhos e montanhas semelhantes a muralhas, a região de Jura, no leste da França, é famosa pelos seus esportes de inverno, indústria de precisão, agricultura e pecuária leiteira. A maior parte do leite produzido ali é utilizado na produção do queijo Comté - o queijo mais fabricado na França.

Carine e Flavien Arbez dirigem uma operação de criação de bezerros e 85 vacas leiteiras nos arredores de Longchaumois, na França. O seu rebanho de Montbéliarde produz diariamente 2.100 litros de leite cru que é utilizado na produção local do Comté. Este queijo firme e não pasteurizado é feito exclusivamente a partir do leite cru de duas raças, incluindo a raça Montbéliarde red pied, que engorda nas pastagens da região e está perfeitamente adaptada aos climas de montanha.

Encontrando um lado bom em uma situação difícil, como um desafio pessoal

Uma mudança de pessoal na operação de Arbez em 2017 desafiou o casal a descobrir uma forma de continuar a gerenciar a carga de trabalho por conta própria. Eles escolheram construir uma nova sala de ordenha e investir em uma GEA DairyParlor P7550, que eles viram em ação durante uma excursão por fazendas na Alemanha organizada pelo European Dairy Farmers Club. O que os conquistou na sala de ordenha paralela com portão de saída vertical? Para começar, o design robusto, a saída rápida das vacas, a pequena área de superfície a ser limpa e as economias de tempo óbvias que isso significaria. Eles também precisavam de uma sala de ordenha que lhes permitisse realizar algumas tarefas manualmente para atender aos rigorosos padrões de produção do Comté.

No passado, a rotina do casal antes das duas sessões de ordenha começava no estábulo adjacente, limpando, revolvendo as camas e depois guiando as vacas para a sala de ordenha. Hoje, um portão tocador de vacas GEA CowMander direciona automaticamente as vacas para a área de espera. Este processo acelerado significa que Flavien pode fazer o melhor uso de seu tempo sozinho no estábulo de vacas: “Com a nossa grande área de espera”, explica ele, “eu posso levar as vacas para lá e cuidar das tarefas relacionadas com a acomodação e limpeza do estábulo enquanto a ordenha acontece na sala de ordenha. Ser capaz de dividir essas tarefas nos economiza muito tempo”.

Entrada e saída rápida das vacas

Conjunto GEA IQ

As vacas se dirigem calma e diretamente para a ampla entrada que conecta a área de espera e a sala de ordenha, confortavelmente alinhadas uma ao lado da outra; as portas de sequência giratória facultam a orientação lateral. Um após a outra, estendem seus pescoços pelos segmentos frontais do portão de saída. Carine está satisfeita com a facilidade de operação e o acesso superior fornecido, que inclui uma boa visão dos úberes quando ela acopla o GEA IQ Milking Cluster.

No passado, eram necessárias duas horas e meia para duas pessoas ordenharem todas as mais de 80 vacas. "Agora, qualquer um de nós pode realizar a mesma tarefa em cerca de uma hora”. - Carine Arbez, Arbez Dairy, Longchaumois, França

Em uma etapa, Carine é capaz de passar para o outro lado da sala de ordenha paralela 2x8. É um procedimento quase sem esforço, facilitado ainda mais devido ao manuseio rápido e excelente ergonomia dos conjuntos de ordenha. “Nossa nova sala de ordenha nos oferece uma melhor entrada sincronizada das vacas graças ao portão tocador da GEA e obtemos um acoplamento muito mais rápido com os conjuntos de ordenha IQ”, explica Carine. Ela usa a função de indexação para o próximo grupo para adaptar o comprimento do posto de ordenha a vacas menores. Ao apertar um botão, os segmentos dianteiros anatomicamente projetados da porta de saída se inclinam para trás e guiam gentilmente cada vaca até sua posição de ordenha ideal. Opostas a ela, as vacas estão ruminando tranquilamente. As unidades de controle de ordenha GEA DemaTron retiram automaticamente os conjuntos após a ordenha, novamente com o aperto de um botão. O portão de saída levanta, abrindo caminho para as vacas saírem, o que leva cerca de cinco segundos.

Design que proporciona higiene absoluta do leite

Conjunto de ordenha GEA IQ

Quando se trata de higiene, os pulsadores, componentes eletrônicos e acessórios de ordenha são todos bem protegidos contra poeira e respingos, graças a um revestimento de aço inoxidável. “Esse design não é apenas esteticamente atraente, mas, mais importante, simplifica a limpeza”, explica Flavien. De fato, em questão de minutos, ele consegue limpar todos os conjuntos de ordenha e corredores. Os suportes de conjuntos de ordenha com limpeza "clean-in-place" (CIP) combinados com a limpeza completa em intervalos regulares garantem padrões de higiene perfeitos para a sala de ordenha. 

GEA DairyParlor P7550

“Estávamos procurando uma sala de ordenha robusta, comprovada e confiável, que também oferecesse o benefício de uma rápida saída das vacas. Nossa sala de ordenha paralela GEA preenche todos os requisitos com seus portões de saída verticais galvanizados duráveis e gabinetes de aço inoxidável”, diz Flavien.

“A melhor coisa sobre a nossa nova sala de ordenha da GEA é que cada um de nós pode agora trabalhar em diferentes tarefas, simultaneamente, o que nos libera para fazer outras coisas, que inclui aproveitar nosso tempo livre para estarmos juntos”. - Flavien Arbez, Arbez Dairy, Longchaumois, França

Excelência em flexibilidade

A GEA DairyParlor P7550 se destaca não apenas pelo seu custo mais baixo comparado a sistemas totalmente automatizados e pelas pequenas dimensões, mas também porque oferece aos operadores uma flexibilidade importante. A possível expansão, como a ampliação dos postos – até 2 x 50 – e a compatibilidade com a ampla gama de produtos de unidades de controle e conjuntos de ordenha da GEA, oferece aos fazendeiros mais opções à medida que seus negócios mudam ou crescem.

Voltar