Os novos sistemas de refrigeração para o Jupiter

Resfriamento impecável para o transporte de peixes

Freezer a bordo do Jupiter

Em muitos países, o peixe representa a mais importante fonte de proteína – por exemplo, na costa oeste da África. Para garantir esse alimento básico na dieta da população local, o arrastão Júpiter está de plantão no oceano ao largo da Namíbia. Equipado com redes de arrasto e amplos sistemas de refrigeração da GEA, o navio está à caça de carapau. Ele foi inaugurado em 1990 pelos construtores navais Volkswerft, em Stralsund, Alemanha. 

Modernizado com a tecnologia da GEA: hoje, o Jupiter transporta 2.000 toneladas de carga. Sua capacidade de refrigeração é de 170 toneladas por dia - 2,5 vezes sua classificação anterior.

Como as décadas no alto mar tiveram o seu preço, o navio foi recentemente renovado. Contratada pelos proprietários Namsov Fishing Enterprises (Pty) Ltd, a GEA trouxe seus sistemas de refrigeração até o nível máximo de sofisticação – com a GEA responsável desde o planejamento até a implementação. Hoje, o Jupiter tem uma capacidade de carga de 2.000 toneladas. A capacidade de congelação aumentou em cerca de 250%: de 65 toneladas originalmente até uma média atual de 170 toneladas por dia. Para o Jupiter, este foi um marco importante, mas quase uma rotina para a experiente equipe da GEA, que há décadas está intimamente familiarizada com esse tipo de navio (Atlantik 488). A GEA também se sente em casa em outros tipos de navios: até agora, ela modernizou mais de 40 arrastões. A experiência e a boa consultoria da GEA compensam generosamente para o comércio pesqueiro, já que a GEA enfatiza a conservação do maior número possível de equipamentos antigos, adicionando novos sistemas apenas quando eles são realmente necessários.

Modernização e expansão da estação de refrigeração do arrastão

A GEA também se sente em casa em outros tipos de navios: até agora, ela modernizou mais de 40 arrastões. A experiência e a boa consultoria da GEA compensam generosamente para o comércio pesqueiro, já que a GEA enfatiza a conservação do maior número possível de equipamentos antigos, adicionando novos sistemas apenas quando eles são realmente necessários.

Voltar