A Hörtnagl, fabricante de salsichas e embutidos tirolesa, precisava atender a demanda dos clientes, garantindo que as Embalagens de Atmosfera Modificada (MAP) que produz fossem absolutamente seguros. Tendo um longo relacionamento com a GEA, a empresa concordou em ajudar no teste de campo do sistema de monitoramento ótico OxyCheck da GEA. O resultado: menos tempo de inatividade, melhor integridade da embalagem, redução do desperdício de embalagens e produto totalmente confiável.

Perfil do cliente

Painel da PowerPak Plus da GEA na Hortnagel

A Andrä Hörtnagl Produktion und Handel GmbH é uma empresa familiar de quinta geração, líder de mercado, fundada em 1863, que emprega 250 pessoas para produzir até 12 toneladas de embutidos por dia em um único turno. Sua linha inclui mais de 100 linhas de alta qualidade, todas fabricadas a partir de ingredientes locais, em sua fábrica de 500 m2 em Hall, Tirol e embaladas em termoformadoras PowerPak da GEA. Os valores de qualidade, sabor, autenticidade e sustentabilidade da empresa são os pilares de sua estratégia de negócios.

"A fabricação moderna e de alta qualidade só é possível por meio de investimento contínuo para garantir a conformidade com diretrizes de higiene e qualidade cada vez mais rigorosas e para atender aos requisitos do cliente” Hans Plattner, Diretor Administrativo da Andrä Hörtnagl Produktion und Handel GmbH

O desafio

Empacotamento com a PowerPak Plus da GEA na Hortnagel

Ao longo de sua história, a Hörtnagl tem se mantido fiel aos seus valores, investindo continuamente em tecnologia para garantir a conformidade com diretrizes de higiene e qualidade cada vez mais rigorosas e para atender à demanda dos clientes por maior variedade, consistência e qualidade do produto. "É fácil destruir a confiança de um cliente em um fabricante", afirma Hans Plattner, Diretor Administrativo. "Por isso, fazemos da qualidade e da segurança a nossa principal prioridade". A flexibilidade também é extremamente importante, pois alguns dos produtos são vendidos em sete tamanhos diferentes de embalagem.

Cerca de 50% da produção da empresa é comercializada em embalagens MAP, que ajudam a manter a qualidade e o prazo de validade dos produtos. Anteriormente, a empresa realizava verificações aleatórias após cada troca de filme. Isso não só era caro e demorado, como apenas era capaz de verificar fisicamente uma pequena proporção das embalagens e provocava um tempo de inatividade não planejado da máquina. Era possível que as embalagens afetadas passassem pelo processo de empacotamento sem serem detectadas. Isso claramente não estava de acordo com os rigorosos princípios de higiene e qualidade dos produtos da empresa.

"Nossas expectativas foram mais do que satisfeitas. Nós fomos completamente vencidos pelas vantagens que o sistema de medição ótica tem a oferecer" Hans Plattner, Diretor Administrativo da Andrä Hörtnagl Produktion und Handel GmbH

O desempenho certo

PowerPak Plus da GEA na Hortnagel

O OxyCheck é um sistema de monitoramento ótico não invasivo que verifica o nível de oxigênio de cada embalagem na saída da máquina. Isso identifica qualquer embalagem que tenha um nível de oxigênio residual incorreto ou que o lacre tenha sido comprometido e a rejeita automaticamente sem interromper a produção. “Os requisitos de segurança do consumidor estão se tornando cada vez mais rigorosos”, afirma Hans. "Agora podemos garantir que cada embalagem adquirida pelo consumidor foi testada".

O OxyCheck usa sensores para escanear um ponto fluorescente impresso no interior do filme superior de cada embalagem. A fluorescência muda de acordo com a concentração de oxigênio dentro da embalagem MAP, permitindo que ela seja verificada de fora, em alta velocidade, sem estragar a embalagem ou prejudicar o desempenho da máquina. O sistema também traça a produção diária, registrando os níveis residuais de oxigênio de todos os produtos. "Isso significa que podemos garantir a conformidade com todas as normas nacionais e internacionais", afirma Reinhard Penz, chefe da divisão de empacotamento.

Na Hörtnagl, a extensa linha de produtos requer que os conjuntos de matrizes sejam trocados até dez vezes por turno. As termoformadoras da GEA permitem uma troca rápida que minimiza o tempo de inatividade; o design robusto garante confiabilidade mesmo neste ambiente exigente. "Uma grande vantagem é o tempo de funcionamento das máquinas", diz Reinhard Penz. “As termoformadoras da GEA são praticamente livres de manutenção”. Quando instaladas com o sistema de monitoramento ótico OxyCheck, elas têm um impacto significativo no desempenho da planta.

Voltar