Unidades de teste da planta piloto Planta piloto de filtração por membrana G

Visão geral

A planta piloto de filtração por membrana Modelo G da GEA Filtration é uma planta em escala piloto projetada especificamente para o desenvolvimento de aplicações usando membranas de microfiltração tubulares especializadas, moldadas em uma estrutura suporte de aço inoxidável sinterizado.

A membrana de aço inoxidável sinterizado de formato tubular é, de maneira ideal, adequada para fluxos de processo difíceis caracterizados pela alta viscosidade e/ou alta carga de sólidos em suspensão. A camada ativa da membrana é o dióxido de titânio (TiO2) deixando-a praticamente intata aos extremos de temperatura, pressão ou pH. O robusto design do módulo, sem vedação e sem gaxeta torna-o bem adequado para aplicações de solventes orgânicos agressivos e também permite a limpeza no local (CIP) agressiva com produtos químicos a granel baratos.

Em sua configuração de base, o modelo G é configurado com uma única fase de recirculação, mas também está disponível um design com uma segunda fase opcional fornecendo o dobro da capacidade operacional. A planta pode ser operado em semi-batelada ou em modo de entrada e saída contínuas.

Todos os parâmetros vitais do processo são facilmente manipulados para desenvolvimento e a otimização do processo eficaz e eficiente.

Recursos padrão:

  • Tanque de alimentação de 0,015 m3
  • Bomba de alimentação, tipo centrífuga com motor TEFC de 10 CV
  • Trocador de calor, tipo tubular, um para o aquecimento e outro para o resfriamento
  • Indicadores de pressão e de temperatura
  • Módulo de microfiltração de aço inoxidável sinterizado tubular de aprox. 15 cm de diâmetro por 3 m de comprimento, canais de vazão de diâmetro de ¾”, tamanho nominal do poro de 0,1 µ , carimbo e desenho do código ASME
  • Bomba de recirculação, tipo-centrífuga com motor TEFC de 20 CV
  • Medidores de vazão, tipo-magnético para vazões de alimentação, recirculação e permeado
  • Medidor de vazão, tipo-mássico para vazão concentrado
  • Válvulas de controle e desvio
  • Montada sobre uma estrutura de aço inoxidável tubular
  • Painel de controle

Recursos exclusivos

  • Concebida e construída para o desenvolvimento de aplicações de material de membrana de microfiltração TiO2 moldado em uma estrutura de suporte de aço inoxidável sinterizado tubular

Opcionais

  • Design com duas fases de recirculação
  • Construção elétrica em área perigosa
  • Esterilização a vapor
  • Canais de vazão de diâmetro 3/8”our 3/4"
  • Tamanho nominal do poro de 0,02 µ

Requisitos elétricos

Espaço:152,4 L x 426,7 C x 243,84 A
Peso de envio:2.268 kg
Voltagem/Fase:440V/Trifásica
Total de CV:30 CV
Conexão da linha de alimentação:1 1/2" TC
Conexão da CIP:1 1/2" TC
Vazão para a CIP.20 - 30 GPM
Conexões do dreno:1 1/2" TC
Drenagem do tanque:2 1/2" TC
Saídas de produto:1 1/2" TC
Água de selagem de entrada:3/8" poly
Água de selagem de saída:3/8" poly
Vazão de água de selagem:1 - 2 GPM
Entrada de meio de resfriamento:1 1/2" TC
Saída de meio de resfriamento:1 1/2" TC
Vazão de resfriamento:de até 10 GPM
Vapor de entrada:3/4" NPT
Vapor de saída:3/4" NPT
Vapor necessário:de até aprox. 45 kg/h, 3,5 bar (50 psi)
Entradas de ar comprimido:1/4" poly
Ar necessário25 m3/ar/min, 3,5 bar (80 psi)
Montada com rodízio:Não

Condições de operação

Área da membrana:4,9 m2
Pressão:de até 10 bar (150 psi)
Temperatura:de até 120°C (250°F)
Vazão de alimentação:de até 13,6 M3/h (60 gpm)