Tecnologia de controle de emissões da GEA Módulo ORC da GEA

Descubra os benefícios do módulo ORC da GEA

A indústria de processamento de processos intensivos de energia gera grandes quantidades de emissões de resíduos que, muitas vezes, não são exploradas. No entanto, a utilização de sua energia térmica faria sentido, tanto econômica quanto ecologicamente, em relação ao aumento constante dos custos de energia, à necessidade das empresas permanecerem competitivas e às regulamentações ambientais cada vez mais rígidas. A GEA oferece sistemas de limpeza de gás e recuperação de energia que empregam tecnologia ORC (Organic Rankine System), que é comprovadamente a solução mais eficiente para isso.

UMA SOLUÇÃO - CINCO VANTAGENS:

Módulo ORC Bischoff da GEA Fließdiagramm

  • A tecnologia ORC funciona em baixas pressões e temperaturas, em contraste com outras soluções
  • Alta eficiência de todo o sistema de produção - é utilizado aprox. 25% do calor de escape
  • Alta capacidade de manutenção
  • Alta flexibilidade dos vários módulos, que são ideais para adaptação em espaços estreitos
  • ROI (retorno do investimento) rápido, redução sustentável dos custos de energia

Os sistemas de recuperação de energia ORC da GEA produzem eletricidade econômica para uso nos processos de produção adicionais. Além disso, esta solução contribui para a redução de toda a pegada de CO2, uma vez que não gera emissões adicionais de CO2.

Nossos especialistas terão prazer em calcular antecipadamente a eficiência econômica e ecológica do seu projeto, para que você saiba com antecedência em que período obterá o ROI, dependendo da configuração específica do sistema e das circunstâncias locais.

O sistema de recuperação de energia da GEA

1 A UNIDADE DE RECUPERAÇÃO DE CALOR RESIDUAL (WHRU)

A WHRU absorve o gás dos processos de produção ou limpeza de gás. Nesta unidade, são instalados inúmeros bancos de tubos, dependendo da temperatura de resfriamento necessária. Um fluido transportador passa pelos tubos (óleo térmico com um ponto de ebulição de 350°C no máx.), que absorve o calor do gás com alta eficiência. Esta organização permite uma configuração flexível do módulo ORC.

2 O MÓDULO ORC

No módulo ORC, o fluido transportador da WHRU passa inicialmente por

uma outra troca de calor com um fluido orgânico (óleo de silicone). Esse fluido então se evapora no superaquecedor e no evaporador, acionando uma turbina com um gerador acoplado para produzir eletricidade. O óleo térmico resfriado regressa à WHRU. Resfriadores de emergência e válvulas de três vias regulam a temperatura do óleo e asseguram o suprimento constante de vapor para a turbina.

3 RESFRIADORES DE AR

O vapor restante da turbina no módulo ORC é condensado por meio de resfriadores de ar. A água assim produzida retorna ao ciclo de troca de calor no módulo ORC.

SISTEMA DE LIMPEZA OPCIONAL

Se a WHRU for operar com gás bruto a partir de processos de produção, o suprimento de hidrato de cal pode impedir a formação de pirossulfato de sódio (Na2S2O7) e bissulfato de sódio (NaHSO4) nos bancos de tubos. Um sistema de limpeza por bolas provou ser um bom complemento para impedir que as substâncias cozam nos bancos de tubos, usando bolas de metal em um sistema fechado.

 

SUAS OPÇÕES - PERGUNTE AOS ESPECIALISTAS!

Dependendo das condições específicas do seu processo de produção, podemos oferecer várias opções de planejamento.

USO COM GÁS BRUTO

Temperatura mais alta em todo o processo, portanto, maior eficiência.

USO COM GÁS LIMPO

Uso adicional com o nível de temperatura alta possível. Sem necessidade de nenhum sistema de limpeza.

AMBOS OS MÉTODOS EM COMBINAÇÃO

O investimento mais alto é compensado pela alta eficiência geral no menor tempo.

 Um investimento sensível na exploração energética do calor residual será compensado em qualquer situação:

  • Nova construção de linhas e sistemas de produção
  • Modernização dos sistemas de limpeza de gases
  • Reequipamento de sistemas de limpeza de gás