Bases e esmaltes de unha

A maioria das bases e esmaltes de unha são feitas de nitrato de celulose liquefeito em solventes, com adição de pigmentos coloridos e outros elementos — como resinas e espessantes — para dar ao produto final as propriedades correta do material. A bentonita pode ser usada como agente à prova de água, por exemplo, para criar uma suspensão estável de corantes.

Colorações dispersas uniformemente

Uma técnica importante na produção de base de unha é a homogeneização, que tem duas aplicações principais: primeiro, o processo pode ser usado para reduzir o tamanho da partícula para criar uma dispersão de corante mais uniforme; e segundo ele possibilita a obtenção da densidade e viscosidade corretas, tornando o produto final de fácil aplicação.

A tecnologia de homogeneização de alta pressão da GEA oferece vantagens significativas relacionadas à otimização da textura do produto, tornando-o mais elástico e maleável. Além disso, as vantagens também podem ser obtidas em relação à densidade da cor: tamanhos de partícula reduzidos significam que, como resultado da refração da luz, as partículas de pigmento ganham cintilância e brilho.

Testes laboratoriais mostraram que a homogeneização de alta pressão pode garantir esses efeitos em uma escala industrial, desde que alguns parâmetros de produção importantes sejam considerados: uma pressão de 850 bar e um procedimento de dois estágios são necessários, com uma ou duas passagens pelo homogeneizador.