Experiência em cristalização de solução para substâncias químicas inorgânicas

Os evaporadores e cristalizadores da GEA formam uma parte integrante de muitos processos de produção de produtos inorgânicos.

Cristalização de substâncias químicas inorgânicas

Instalação do DU SQM KNO3 2

A nossa ampla gama de equipamentos próprios incluem sistemas de pré-evaporador de grande capacidade, assim como unidades de cristalização de substâncias químicas finas. Instalamos unidades de cristalização com soluções de larga escala para cloreto de sódio e potássio, sulfato de sódio e amônio, nitrato de potássio, e carbonato de potássio e sódio. Também temos experiência significativa nos processos de cristalização para a produção de produtos químicos e compostos, incluindo cafeína, vitamina C, ácido cítrico, pentaeritritol, bisfenol A, sulfato de níquel, dimolibdato de sódio e tiossulfato de sódio. 

Recuperação dos sais a partir de correntes de resíduos

Instalando de unidades para a recuperação (evaporação/concentração) do cloreto de cálcio (CaCl2) de vários recursos faz parte da nossa atividade principal desde 1980. O produto é tipicamente disponível sob a forma de flocos e grânulos, a partir de 76% de CaCl2 a 96% de CaCl2, dependente da aplicação (farmacêutica, química, alimentícia). Na década de 1980, a GEA desenvolveu o processo de cristalização por evaporação para a preparação de cloreto de cálcio de grau farmacêutico a partir de uma solução de cloreto de cálcio preparado pela reação de pedra calcária com ácido clorídrico.

A cristalização do sulfato de sódio é outra atividade principal da GEA, e já forneceu mais de 70 instalações, que possuem capacidades de produção de sulfato de sódio anidro que variam de 200 kg/hora a 40 toneladas/hora.

O composto é produzido a partir de minerais naturais ou lagos naturais de sal e também é obtido como um subproduto dos processos de neutralização química que geram solução de sulfato de sódio. Os exemplos incluem a regeneração de licores de banho de rotação, a indústria de cromo e a produção de vitamina C. A GEA é ativa em todas estas indústrias, às quais fornece tecnologias para dissolução de minerais, purificação da salmoura, cristalização de sal de Glauber e calcinação do sal de Glauber pela cristalização do sulfato de sódio anidro, incluindo separação e secagem.

A GEA opera um centro de pesquisa do estado-da-arte, na qual novos conceitos de processo podem ser avaliados, e modelagem detalhada realizada para otimizar o projeto e operação de uma unidade ou processo.